Compartilhe com seus amigos!

8 minutos de leitura

Dentre as inúmeras estratégias de Marketing Digital, talvez você se pergunte: o que é exatamente o marketing de conteúdo? O marketing de conteúdo nada mais é do que a estratégia de marketing que irá engajar sua audiência de maneira educativa, informativa e relevante, capaz de fortalecer o relacionamento entre marca e consumidor. Vem entender!

 

  1. O que é Marketing de Conteúdo
  2. Estatísticas
  3. Mas como fazer Marketing de Conteúdo?
  4. Exemplos de Marketing de Conteúdo 
  5. Calendário Editorial 
  6. Mensurando resultados 
  7. Resumo 

 

O que é marketing de conteúdo?

 

Você já acessou alguma receita de bolo no blog da Nestlé? Ou então leu as revistas de bordo de empresas aéreas com dicas do que fazer quando chegar ao local de destino da sua viagem? Talvez também tenha feito uma busca por bons restaurantes no Guia Michelin

 

Esses três exemplos citados acima podem te ajudar a compreender o que é marketing de conteúdo, já que são formas de conteúdos feitos por marcas para entreter, sanar dúvidas e necessidades de seus clientes. E é muito provável que ao consumir um desses conteúdos, como uma receita com produtos da Nestlé, você pense em comprar aqueles produtos específicos citados , não é mesmo?

 

Esta é a intenção do marketing de conteúdo, a estratégia por trás do que chamamos de Inbound Marketing, ou seja marketing de atração: encantar e atrair o cliente com um conteúdo de qualidade, feito sob medida e diretamente para ele. Diferente da propaganda, o objetivo do marketing de conteúdo é criar relevância para a sua rede e, em se tratando de marketing digital, gerar leads qualificados. 

 

Estatísticas

 

 

Antes de darmos sequência neste conteúdo, veja alguns dados retirados da pesquisa “The Ultimate List of Marketing Statistics for 2021” para começar a entender o que é marketing de conteúdo e a importância dele para o seu negócio:

 

1 – 70% dos profissionais de marketing estão investindo ativamente em marketing de conteúdo. (HubSpot, 2020) 

 

2 – 78% das empresas têm uma equipe de um a três especialistas em conteúdo. (SEMrush, 2019) 

 

3 – Os profissionais de marketing hoje criam conteúdo para vários segmentos de público – o marketing para três segmentos de público é mais comum. (HubSpot, 2020) 

 

4 – Quase 40% dos profissionais de marketing dizem que o marketing de conteúdo é uma parte muito importante de sua estratégia geral de marketing. (HubSpot, 2020)

 

5 – “Estratégia de Marketing de Conteúdo” é a consulta mais pesquisada relacionada ao marketing de conteúdo. (SEMrush, 2019)

 

6 – 77% das empresas afirmam ter uma estratégia de marketing de conteúdo. (SEMrush, 2019)

 

7 – 94% dos profissionais de marketing usam mídia social para distribuição de conteúdo. (SEMrush, 2019)

 

(Fonte: https://www.hubspot.com/marketing-statistics)

 

 

Mas como fazer Marketing de Conteúdo?

 

 

Entendeu o que é marketing de conteúdo e a importância dele para sua estratégia digital? Então, o primeiro passo para você fazer marketing de conteúdo envolve muito planejamento. Comece definindo sua Brand Persona, que é a personificação da sua marca, e Buyer Persona, a personificação do seu cliente ideal. 

 

É importante começar por aqui, pois é a partir dessas definições que você saberá quais são seus diferenciais diante dos concorrentes, qual é a essência da sua marca e qual é a personalidade por trás dela, com quem ela conversa, o que tem a dizer e como (tom de voz).

 

Com essas respostas a respeito da sua marca, você pode avançar: trace seus objetivos, como o reconhecimento de marca ou aumento de vendas, por exemplo. Estruture pilares de conteúdo, categorias e subcategorias, os conteúdos que trabalhados vão te levar a alcançar seus objetivos. 

 

Por exemplo, se sua marca tem como pilar a educação financeira, quais seriam os temas ligados à educação financeira que você considera útil ao seu público? Quais seriam categorias que falem sobre e que agregam valor? 

 

Faça uma lista: investimentos, economia, educação financeira para iniciantes, cursos, dicas de livros. E dentro de cada um desses assuntos ou categorias, quais seriam as subcategorias? Livros sobre educação financeira, dicas de como economizar dinheiro ao fim do mês, e por aí vai. 

 

Ao planejar o seu conteúdo, saiba direcioná-lo para cada uma das etapas do funil de vendas: topo do funil (descoberta e interesse), meio do funil (consideração e intenção), fundo do funil (avaliação e compra). Dessa maneira, você entrega a mensagem certa, na hora certa. 

 

Exemplos de Marketing de Conteúdo 

 

É possível criar conteúdo em diversos formatos: blog, e-book, e-mails, infográfico, redes sociais, podcast, vídeo. Veja alguns exemplos aqui:

 

  • Em 2015, o Google criou o blog “Think With Google” com conteúdos sobre a indústria do marketing, compartilhando ideias, insights, tendências e dados. 

 

  • Em 2017, a marca de beleza O Boticário criou o canal Desejos de Make, no Youtube, para entregar “os segredinhos de maquiagem mais quentes do momento”, com a participação de influenciadoras de beleza. 

 

  • Lançado em 2020, o Heineken Green Cast é o primeiro podcast da Heineken que fala sobre música e tem como convidados, criadores de festivais contando curiosidades do backstage. 

 

  • Em 2021, o Museu de Arte Moderna de São Paulo entrou no Minecraft: Education Edition!. Ou seja, ele foi o primeiro museu a entrar em um jogo online, combinando arte, educação e jogos, reproduzindo o espaço do museu e obras do acervo. 

 

Calendário Editorial

 

Você já tem em mãos seus objetivos, uma lista com os principais assuntos e a inspiração nos exemplos do que grandes marcas já fizeram, agora é hora de definir seus canais e frequência. 

 

Para isso, saiba onde está o seu público no universo digital. Ele utiliza o Facebook, Instagram, Spotify, Youtube, Pinterest? São diversos os canais disponíveis para entregar a sua mensagem, escolhendo o que melhor se encaixa no seu cenário. 

 

Independente da sua marca oferecer conteúdo como textos para blog, podcasts ou vídeos para o Youtube, organizar-se com a frequência de produção e de publicação irá facilitar o seu processo de criação. Pesquise pautas que se conectem, datas importantes, assuntos atuais: tudo o que poderá enriquecer a sua fala. 

 

Construa uma planilha de calendário editorial, estruturando canal, datas, frequência e assunto. Você também pode definir os melhores horários, dependendo do seu canal.  Veja o exemplo abaixo:

 

 

Fonte: https://help.rockcontent.com/pt-br/calend%C3%A1rio-editorial 

 

Mensurando resultados

 

 

Quando falamos de marketing digital, sabemos que é possível ter acesso a dados que mensuram os resultados, e eles serão seus maiores aliados na produção de conteúdo. 

 

Se for um conteúdo para um blog, você pode saber quantas sessões ou usuários visitaram determinada página, quais foram as mais acessadas. Se for um conteúdo em vídeo, também é possível medir as visualizações ou o crescimento do canal. Se for nas redes sociais, o número de engajamento (likes, comentários, compartilhamentos e alcance), também irá dizer se o conteúdo em questão funcionou e você poderá entender sua audiência. Essa análise irá guiar a sua produção de conteúdo, por isso, não pule esta que é uma das mais importantes etapas, ok?

 

Então esse foi o artigo sobre o que é marketing de conteúdo, espero que tenham gostado das dicas de como fazer, dos exemplos, etc. Compartilhe nas redes sociais e Comente abaixo qual é a sua estratégia de marketing de conteúdo!

 

O que aprendemos neste artigo:

 

O que é marketing de conteúdo?

É uma estratégia de marketing que irá engajar sua audiência de maneira educativa, informativa e relevante, capaz de fortalecer o relacionamento entre marca e consumidor;

Quais são os formatos?

Blog, e-book, infográfico, e-mails, redes sociais, podcast, vídeo, entre outros;

Como fazer Marketing de Conteúdo?

Definir sua Brand e Buyer persona, tom de voz, formato e canais que usará, estruturar pilares de conteúdo, categorias e subcategorias de assuntos que são úteis para o público.

Como fazer um Calendário Editorial?

Crie uma planilha de calendário editorial, estruturando canais, datas, frequência e assunto. Importante na hora de criar e na hora de distribuir.

Qual é a importância de medir os resultados?

Ao analisar os resultados da sua estratégia, você irá encontrar insights para a produção de novos conteúdos e irá entender o que funciona e o que não. Faça testes!

 

 

Mais conteúdos no blog que vão te ajudar na construção do Marketing de Conteúdo:

 

https://harve.com.br/blog/marketing-digital-blog/negocios-em-crescimento-como-o-inbound-marketing-pode-ajudar-a-trazer-novos-clientes/ 

 

https://harve.com.br/blog/marketing-digital-blog/52-dicas-de-marketing-digital-melhore-seus-resultados/ 

 

 

  • Etapa 1

Quer saber mais sobre as nossas formações? Entre em contato!

Seu nome

Seu telefone

Seu e-mail

Formação de interesse

Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta